News & Events

De volta às aulas

volta às aulas

Bom dia, boa tarde ou boa noite, muito bom poder voltar a trabalhar, principalmente com aquilo que a gente gosta, não é mesmo?

As aulas voltando, a escola se enchendo de vida novamente, professores animados, pais ainda mais animados, e assim segue o ciclo da vida escolar.

Teoricamente todo mundo depois de passar férias deveria voltar mais animado, mais alegre, mais disposto, mas muitas vezes não é isso que acontece. Algumas pessoas voltam ainda mais cansadas, outras ainda mais reclamonas e outras parecem o desânimo em forma de gente.

Mas porque isso acontece? Lógico que existem milhares de fatores que poderíamos elencar aqui como um meio de se ter uma explicação, mas na verdade, algumas pessoas não sabem curtir o momento, existem pessoas que ao saírem de férias entram em total desespero, eu chamo de: síndrome do lazer, pessoas que não conseguem aproveitar o seu tempo livre de forma prazerosa, estão sempre querendo se ocupar de alguma coisa, não conseguem relaxar sem sentir culpa, ou pior não conseguem viver o momento.

Eu sempre falo que deveríamos prestar mais atenção a nossa volta, pois a vida nos ensina! Por exemplo: eu tenho dois cachorros e um gato e eu já percebi que tanto um quanto o outro, quando estão descansando ou dormindo e eu os chamo eles não pulam da cama e saem correndo, eles simplesmente levantam a cabeça olham para mim, e se for interessante para eles, no tempo deles, eles dão aquela espreguiçada, se alongam e só então se levantam e vem até mim. Ao contrário de muita gente que eu conheço que ao acordar, literalmente cai da cama! Acordam assustados e sempre na correria, não respeitam o próprio tempo e isso prejudica muito a qualidade de vida da pessoa.

O pior é que a pessoa não percebe, por que esses maus hábitos viraram rotina. Porque não criamos rotinas saudáveis? Isso tudo é questão de treino também! Do mesmo jeito que você consegue fazer coisas que não vão te ajudar em nada, podemos criar hábitos que podem melhorar e muito sua vida.

Uma criança, por exemplo ela não sofre pensando no passado e também não se preocupa com o futuro, você nunca irá ver uma criança brincando e dizendo “deixa eu brincar logo, que o tio da perua vai chegar, depois tenho que em casa tomar um banho, jantar e ir dormir, porque a professora prometeu que amanhã irá levar a gente para o parquinho e final de semana vou visitar minha avó e não vejo a hora de chegar o natal!!!” A criança não pensa assim, ela vive o momento e por isso não sofre.

Por exemplo, hoje em dia quando você vai em algum show, o que geralmente as pessoas estão  fazendo? Elas levantam e começam a dançar? Não, a maioria das pessoas ficam gravando o show com os seus celulares! O que não faz sentido algum, elas gravam um show ao vivo para depois chegar em casa e assistir? Então não precisava gastar tempo e nem dinheiro era só jogar no youtube o nome do cantor e assistir em casa.

E é por isso que muitas vezes voltamos mais cansados das férias, porque não vivemos o momento, ficamos preocupados com a volta. As pessoas vivem ou no passado reclamando do que aconteceu com eles ou no futuro que talvez nem venha a acontecer.

Então meu amigo ou minha amiga a dica dessa semana é: viva o momento! Sem vitimismo, sem reclamações, sem pensar no que o outro irá achar de você, seja você, ame você, curta a vida, porque a única coisa certa nessa vida é a morte e você pode ter medo dela ou simplesmente aprender com ela a viver de forma mais produtiva.

A essência da grandeza está na capacidade de escolher

a realização pessoal, em circunstâncias nas

quais outros escolhem a loucura.

Wayne Dyer

VIVA O MOMENTO

Compartilhe em suas Redes Sociais